15.03.2019 | Geral Oficina de defesa pessoal para mulheres no Partage Norte Shopping

Reconhecendo o espaço da mulher na sociedade e celebrando o dia delas, o Partage Norte Shopping quer ajudar a transformar os desafios em conquistas. Para tanto, aos domingos, a partir do dia 17 de março, o Partage Norte Shopping promoverá aulões de defesa pessoal, exclusivo para mulheres, a fim de proporcionar ainda mais confiança, para essas guerreiras.

As aulas acontecerão, das 11h às 12h, no 1º piso do Partage, ao lado da loja Stalker. O evento é gratuito e as inscrições podem ser realizadas no www.partagenatal.com.br.

Serviço:

Aulão de defesa pessoal  Partage

Data: 17 de março de 2019;

Endereço: Av. Doutor João Medeiros Filho, 2395 – Potengi;

Telefone: (84) 3674.8200 | 98189.8899 (WhatsApp)

Redes sociais: @partagenatal

Sitewww.partagenatal.com.br

15.03.2019 | Geral EXECUTIVA – AGÊNCIA DE COMUNICAÇÃO COMEMORA 16 ANOS DE CONQUISTAS E CRESCIMENTO 

Agência de publicidade acumula prêmios em nível nacional e até internacional
O sonho de dois jovens que haviam acabado de sair da faculdade, em 2003, se transformou em uma das mais bem sucedidas e premiadas agências de comunicação do Rio Grande do Norte. A Executiva – Agência de Comunicação comemora, neste dia 15 de março, 16 anos de fundação, festejando a conquista de prêmios de nível nacional e internacional e um grande crescimento em termos de estrutura e de atendimento a clientes.
O mais recente prêmio conquistado pela agência potiguar veio no início deste ano, com o reconhecimento pela revista austríaca Archive, de uma peça publicitária do Colégio CEI Romualdo como uma das melhores do mundo. No Norte e Nordeste do país apenas duas agências obtiveram esse reconhecimento: a Executiva e uma agência pernambucana foram agraciadas com a premiação da Achive, que é uma grande referência para o mercado mundial. Aqui no RN, apenas uma outra agência, a Art&C, conquistou o mesmo prêmio. “No que diz respeito a premiações, esse é um dos grandes feitos da Executiva nesses 16 anos. Todavia, o que nos deixa verdadeiramente felizes é perceber a satisfação dos nossos clientes”, sentenciou um dos sócios-fundadores da agência, o publicitário Erick Gurgel.
Mas os prêmios não pararam por aí. A Agência Executiva também ganhou o título de melhor campanha educativa de trânsito do Brasil, na Bienal do Departamento Nacional de Trânsito, o Denatran, em 2017, com uma campanha educativa do Detran/RN, do Governo do Estado, concorrendo com os maiores centros de comunicação do país como: São Paulo, Rio de Janeiro, Pernambuco, Bahia, entre outros.
O início, como na maioria dos novos negócios, não foi fácil.Uma trajetória premiada que começou de forma modesta. A agência funcionava em apenas uma sala, com dois funcionários e dez clientes, amigos próximos dos recém-formados publicitários Erick Gurgel e Odemar Neto, que confiaram a eles a gestão das suas marcas. Os dois fizeram a faculdade juntos e compartilharam do mesmo sonho, que acabou virando realidade.Hoje, a Agência Executiva cresceu e se tornou uma das mais respeitadas agências de publicidade do RN. A estrutura conta com mais de 30 funcionários, distribuídos em uma sede com 12 salas e atendem às demandas de aproximadamente 50 clientes. Na sala de criação, que pode ser considerada o cérebro de uma agência de propaganda, existe capacidade para até 20 colaboradores. “Temos estrutura suficiente para atender os nossos atuais clientes e expandir ainda mais nosso trabalho”, garantiu Erick.
Para comemorar esses 16 anos de conquistas e realizações, a Executiva lançou uma campanha que ganhará as ruas em breve. “Por todos os ângulos e por todos os aspectos que a gente olhar pra Executiva a gente observa um crescimento. A gente ampliou o número de clientes, crescemos em número de profissionais, a infraestrutura vem ampliando ano após ano, tanto em equipe quanto em equipamentos e, a cereja do bolo tem sido a conquista de importantes prêmios. Graças a Deus as coisas vem acontecendo dentro do planejado. Só temos a agradecer aos clientes, parceiros e fornecedores”, finalizou Erick Gurgel.

14.03.2019 | Geral Projeto ‘Meu Cantinho de Leitura’ contemplará mais 12 CMEIs

Apenas nesta etapa, cerca de 2.400 crianças serão beneficiadas por projeto idealizado pela vereadora Eleika

Com o objetivo de incentivar a prática da leitura na Educação Infantil, o projeto ‘Meu Cantinho de Leitura’ chega a sua quinta etapa contemplando mais 12 Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) de Natal. Desenvolvido pelo mandato da vereadora Professora Eleika desde março de 2016, a ação vem sendo executada gradativamente e já beneficiou 62 unidades de Educação Infantil do Município. Os 12 CMEIs restantes receberão o projeto no próximo mês de maio.

Para possibilitar a realização deste projeto foram investidos, até o momento, R$ 23 mil, sendo, apenas nesta etapa, R$ 4,5 mil, provenientes da doação de salário da vereadora Professora Eleika. Nos 12 CMEIs contemplados nesta quinta etapa, cerca de 2.400 crianças estão sendo beneficiadas. O projeto consiste na entrega de um kit de leitura composto por estante, tapete de EVA, três almofadas, quadro mural de cortiça e 24 livros, sendo seis de banho, cinco livros literários, três paradidáticos e 10 revistas da Turma da Mônica.

Para a vereadora Professora Eleika, o hábito da leitura deve ser incentivado desde os primeiros meses de vida. “Quem constrói uma boa base na infância e desenvolve o gosto pela leitura tem mais chances de ‘deslanchar’ nos anos seguintes. Então, este projeto visa criar um ambiente de leitura nos CMEIs para que projetos sejam desenvolvidos e as crianças se encantem com o universo dos livros”, diz a parlamentar.

Nesta etapa, todos as unidades beneficiadas estão localizadas na região Oeste de Natal, são elas: CMEI Professora Nossa Senhora de Fátima, CMEI Carmem Fernandes Pedroza, CMEI Bom Samaritano, CMEI Professora Maria do Socorro Lima, CMEI Missionário Odilon dos Santos, CMEI Jesiel Figueiredo, CMEI Nossa Senhora de Santana, CMEI Professora Arnaldo Arsenio de Azevedo, CMEI Professora Raquel Maria Filgueira, CMEI Professora Elaine do N. Lopes, CMEI Saturnina Alves de Lucena, CMEI José de Alencar Gomes da Silva, CMEI Professora Rosalba Dias de Barros.

14.03.2019 | Geral Walter Alves destina recursos para Polícia Civil do Rio Grande do Norte

O deputado federal Walter Alves (MDB-RN) destinou, no Orçamento Geral da União (OGU 2019), emenda parlamentar no valor de R$ 250 mil para a Associação dos Delegados de Polícia Civil do Rio Grande do Norte (Adepol-RN). A informação foi confirmada hoje (14).

De acordo com a Adepol, os recursos serão destinados para a aquisição de novos equipamentos de informática. Através das redes sociais, a associação informou que, atualmente, existem 600 equipamentos que podem “parar de funcionar no setor de informática da Polícia Civil, em decorrência da antiguidade e falta de manutenção”.

Ainda nas redes sociais, a Adepol agradeceu ao parlamentar a preocupação e auxílio na investigação criminal. Para Walter Alves, investimento em segurança é essencial para o Rio Grande do Norte. “Segurança pública é uma das bandeiras do nosso mandato. Seja através da apresentação de projetos de lei ou destinação de emendas, temos a preocupação com a segurança da nossa população”, disse o deputado federal.

14.03.2019 | Geral MPRN denuncia policial pela morte do estudante Luiz Benes

Laudos de microcomparação balística apontaram que o tiro que matou o jovem partiu da arma de um PM. Luiz Benes foi morto ano passado, quando era vítima de sequestro-relâmpago
O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) denunciou o policial militar Luiz Carlos Rodrigues pela morte do estudante Luiz Benes Leocádio de Araújo Junior, ocorrida no dia 15 de agosto do ano passado, em Natal. O tiro que matou o jovem saiu da arma do policial, conforme consta no laudo de exame necroscópico anexado ao processo. A denúncia foi recebida pelo Juízo da 1ª Vara Criminal de Natal nesta quinta-feira (14).
Luiz Benes estava dentro de um carro da família dele, sendo mantido refém em um sequestro-relâmpago. Para o MPRN, os quatro policiais militares envolvidos na operação agiram assumindo o risco de atingir a vítima, o que de fato aconteceu, já que estavam cientes de que o rapaz se encontrava no interior do veículo.
Após a realização dos laudos de microcomparação balística, foi possível afirmar que o tiro que matou Luiz Benes partiu da arma do PM denunciado. Por esse motivo, o MPRN entende que a responsabilidade da morte deve recair somente sobre ele, tendo sido cometido com dolo eventual. Esse crime com dolo eventual ocorre quando o responsável, mesmo sem querer efetivamente o resultado, assume o risco de o produzir.
Ao mesmo tempo, não foi possível precisar qual das armas atingiu o adolescente infrator Mateus da Silva Régis, causando-lhe também a morte. O MPRN destaca na denúncia que “não há que se falar em crime quanto a este fato, em face de que o mesmo com sua ação criminosa, no mínimo, gerava para os policiais perigo iminente, pois encontrava-se armado, o que faz com que a conduta dos agentes públicos, apenas quanto a este fato, seja alcançada pela excludente de ilicitude da legítima defesa”.
Entenda o caso
De acordo com as investigações, algumas horas antes de sua morte, Luiz Benes foi surpreendido pelos adolescentes infratores Mateus da Silva Régis e Samuel Butemberg Bezerra Ribeiro, enquanto se dirigia ao veículo da família que estava estacionado na rua Almirante Nelson Fernandes, próximo à esquina com a avenida Romualdo Galvão, no bairro do Tirol.
A partir daí, mediante grave ameaça praticada pelos adolescentes infratores que portavam revólveres (armas apreendidas), a vítima foi obrigada a dirigir o veículo com destino à zona Norte de Natal, estando o adolescente Mateus no banco do carona, enquanto Samuel ficou no banco de trás do veículo.
A essa altura, amigos e familiares de Luiz Benes, que estavam no comitê de campanha do pai dele, o deputado federal eleito Benes Leocádio, sentiram a falta da vítima. Ao visualizarem que o veículo não mais estava estacionado no local, constataram, a partir das câmeras de segurança de um estabelecimento comercial próximo, que ele havia sido coagido pelos infratores a com eles sair no carro.
Nesse instante, as autoridades de segurança pública foram devidamente avisadas do ocorrido, inclusive à então secretária de Segurança Pública do Estado do Rio Grande do Norte, passando o carro a ser monitorado através do sistema de fiscalização de trânsito da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU).
Os adolescentes infratores, ainda mantendo Luiz Benes refém e dirigindo o veículo, praticaram diversos roubos a populares na zona Norte de Natal, conforme vários depoimentos coletados de vítimas.
Dentre as viaturas que ouviram o rádio da PM informando a ocorrência, estava a viatura 405, do Tático 1, comandada pelos policiais Luiz Carlos Rodrigues, Ricardo da Silva Oliveira, Jerry Jachson Alves Batista e Kleyton Alberto dos Santos. Após abastecerem o veículo no posto que fica Centro Administrativo do Governo do Estado, a guarnição se dirigiu até a área da ocorrência.
Quando trafegava pela avenida Moema Tinoco, nas proximidades do trevo que dá acesso à praia de Jenipabu, os ocupantes da viatura visualizaram o veículo onde se encontravam os adolescentes infratores e a vítima. Eles estavam saindo de um posto de combustível existente no local, quando aconteceu a abordagem.
Os policiais fizeram o chamado “leque” – um procedimento padrão de abordagem – e a uma distância de aproximadamente 15 metros do veículo abordado gritaram para os ocupantes descerem. As pessoas presentes apenas informaram que logo em seguida ouviram diversos disparos, não sabendo precisar de onde partiram inicialmente.
O laudo de exame pericial feito no veículo onde se encontrava a vítima aponta diversas marcas de perfurações na lataria, sendo evidenciado pela pesquisa de mancha de sangue realizada, que a vítima e o adolescente infrator Mateus foram alvejados já na parte externa do veículo quando efetuavam o desembarque.

13.03.2019 | Geral Comissão debate com presidente do Ipern a Reforma da Previdência para pessoas com deficiência 

A Comissão dos Direitos das Pessoas com Deficiência e Mobilidade Reduzida recebeu nesta manhã (13) o presidente do Instituto de Previdência dos Servidores Estaduais (Ipern), Nereu Linhares, para discutir a Reforma da Previdência na perspectiva das políticas públicas voltadas para as pessoas com deficiência.
A vice-presidente da comissão, Divaneide Basílio (PT), disse que a intenção é ampliar o debate na Casa. “Com representantes do Estado no Congresso, aprofundando o tema com entidades, instituições e a comunidade para fazermos um debate ampliado e democrático e os congressistas possam votar também nesta perspectiva”, disse a parlamentar.
Dentro da Reforma da Previdência Social, proposta pelo Governo Federal, estão mudanças para o chamado Benefício de Prestação Continuada (BPC), da Lei Orgânica da Assistência Social (LOAS), que garante um salário mínimo mensal à pessoa com deficiência e ao idoso, que comprovem não possuir meios de prover a própria manutenção, nem de tê-la provida por sua família. “São mudanças que reduzem o benefício e criam mecanismos para dificultar sua concessão, elevando a idade, tempo e critério de patrimônio para a pessoa com deficiência que dificulta o acesso ao benefício”, explicou Nereu Linhares.
Ele detalhou pontos de interesse da comissão sobre o impacto da reforma. Para o vereador Robson Carvalho (PMB), as mudanças precisam ser debatidas democraticamente. “É importante esse aprofundamento para saber sobre os impactos, especialmente ligados à pessoa com deficiência que é o foco dessa comissão”, ressaltou. O representante da Advirn (Associação de Deficientes Visuais do Rio Grande do Norte), Aníbal Luiz também participou da reunião e considerou fundamental a discussão. “Saber até onde vai nos afetar é essencial para podermos lutar por nossos direitos e esclarecermos sobre pontos obscuros desta reforma”, pontuou.

13.03.2019 | Geral Desastre de Mãe Luiza: MPRN participa de audiência de conciliação

Proposta é garantir soluções para reparar danos materiais e morais provocados pelo desastre ambiental ocorrido em junho de 2014
O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN), por meio da 45ª e da 49ª Promotorias de Justiça, participa na tarde desta quarta-feira (13), de uma audiência de conciliação na 3ª Vara da Fazenda Pública. O objetivo é buscar uma conciliação com o Município de Natal e a Companhia de Águas e Esgotos do RN (Caern) para garantir soluções que possam reparar danos materiais e morais, decorrentes do desastre ambiental ocorrido no mês de junho de 2014, que atingiu os bairros de Mãe Luiza e Areia Preta, em Natal. A reunião conta neste momento com a presença de moradores, peritos e representantes dos órgãos envolvidos.
A ação civil pública movida pelo MPRN à época também busca prevenir novos danos, levando em consideração que parte do local atingido pelo desastre (também conhecido como Comunidade Aparecida) ainda se encontra inserida, nos termos do Plano Municipal de Redução de Riscos (PMRR), como área sob condição de risco de “instabilidade de solos”. Isso significa que o local é sujeito a deslizamento e, dentro de uma classificação de 1 a 5, está avaliada como risco de grau 4.
Ao mesmo tempo, há locais apontados pelos peritos como de risco. Essas áreas atualmente estão deslizando e colocando em risco iminente as casas nas proximidades de muros e encostas.
Após quase cinco anos da ocorrência do desastre, a situação ainda é problemática. No local, existem áreas que oferecem riscos à população e, até agora, as pessoas que tiveram suas casas derrubadas não receberam as novas moradias que seriam entregues pela Prefeitura de Natal. Na área, por exemplo, ainda existe esgoto a céu aberto e canalizado diretamente para o sistema de drenagem.
A Ação Civil Pública tramita na Justiça potiguar sob o nº 0825478-21.2016.8.20.5001.

13.03.2019 | Geral Governo cria grupo de trabalho para erradicar o analfabetismo no RN

Construir políticas públicas com intuito de erradicar o analfabetismo, no Rio Grande do Norte, é uma das prioridades da gestão da governadora Fátima Bezerra. Este compromisso foi reafirmado na tarde desta quarta-feira, 13, no Instituto de Educação Superior Presidente Kennedy onde diversas instituições voltadas à educação se reuniram para debater este tema.

Em seu programa de governo, Fátima traz como meta a melhoria dos indicadores de qualidade na educação básica, articulando ações com as instituições públicas municipais, estaduais e federais. “Temos uma bússola para seguir que são os Planos Nacional e Estadual de Educação, nosso foco começa pela expansão e fortalecimento do ensino básico, que passa pela valorização do profissional da educação. Estamos estabelecendo o prazo de até 2027, para avençar no que diz respeito a erradicação do analfabetismo no Rio Grande do Norte. Esse sonho é de todos nós”, disse.

Como resultado desta primeira reunião, foi criado um comitê gestor de alfabetização e formação, sob a coordenação da Secretaria de Estado da Educação e da Cultura (SEEC), e a participação de diversas instituições parceiras para no prazo de 90 dias apresentar o plano de trabalho que deve ser iniciado no segundo semestre deste ano. “O número de analfabetos com 15 anos ou mais no RN ultrapassa 420 mil pessoas. À luz do plano de governo e do plano nacional de educação, o desafio é unir as instituições, para criar coletivamente um conjunto de ações de curto, médio e longo prazos“, destacou Getúlio Marques, secretário de Educação do Estado.

A SEEC propõe a criação de uma política que traga democratização do acesso, bem como preocupe-se com a permanência do aluno em sala de aula e com sucesso na aprendizagem. Valorizando a inclusão social com valorização da diversidade e fortalecer a integração da formação escolar à educação profissional nas diversas áreas dos arranjos econômicos, àaexemplo dos institutos federais que transformaram a realidade de milhões de jovens por todo o Brasil e especialmente na região nordeste.

Integram este grupo gestor de enfrentamento ao analfabetismo, o Governo do Estado, a Federação dos Municípios do RN – Femurn, União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação – Undime, Igreja Católica, Movimentos Sociais, Fiern, Fórum Estadual de Educação, Instituições de Ensino Superior e Técnico do RN e Sistema S.

13.03.2019 | Geral Governo discute parcerias com Vicunha Têxtil

 A Governadora Fátima Bezerra, acompanhada do vice-governador Antenor Roberto, esteve reunida na tarde desta terça-feira (12) com a equipe de diretores da Vicunha Têxtil para discutir parcerias com o grupo empresarial. Foram tratadas questões como segurança jurídica, incentivos fiscais, Programa Gás+ e projetos de sustentabilidade socioambiental, como reuso industrial de efluentes.

Fátima reforçou a necessidade de diálogo transparente com o empresariado para atrair, manter e ampliar os investimentos no Rio Grande do Norte. “A governança instituída em nosso Estado propõe a transparência e diálogo junto aos diversos setores. Nossos órgãos e secretarias devem ser facilitadores, propulsores para o desenvolvimento local. A Presença da Vicunha no Estado é muito importante, sobretudo do ponto de vista que promove muitos empregos”, destacou a governadora.

“Saio impressionado com a governadora e o secretariado, dada a vontade de realmente atender as necessidades da indústria”, disse opresidente da Vicunha, o Maurício D’Isep.  Ele comentou ainda sobre alguns problemas originários na gestão passada, expostos no encontro, e destacou o cenário de negócios. “Estamos confiantes nos dois principais Estados que temos plantas no Brasil, que é o Rio Grande do Norte e o Ceará. Queremos investir, ampliar a produção, mas vamos aguardar o comportamento econômico ao mesmo tempo em que buscamos novas oportunidades de parcerias”, afirmou.

Os projetos de sustentabilidade socioambiental, apresentados na reunião, serão discutidos junto aos órgãos envolvidos.

Também participaram da reunião Larissa Dantas (Potigás); Leonlene Aguiar (Idema); Aldemir Freire (Seplan); Neil Armstrong, representante do secretário da Secretaria de Estado da Tributação; Marcel Imaizumi, diretor de operações (Vicunha); Paulo Ricardo, gerente de projetos (Vicunha) e Gabriela Teixeira, gerente de relações institucionais (Vicunha).

13.03.2019 | Geral Vereador Ney Lopes Jr. realizará mais uma edição do “Gabinete nas Comunidades”

Na próxima sexta-feira (15), o vereador Ney Lopes Jr. levará ao bairro do Bom Pastor, mais uma edição do “Gabinete nas Comunidades”. O evento será realizado, às 15h00, na Rua Guimassu, 1153. A ação tem como objetivo levar serviços do gabinete e de cidadania, periodicamente, a diversos bairros de Natal.
Durante o encontro serão realizados atendimentos de saúde, esclarecimentos jurídicos e coleta de demandas. Os serviços de saúde incluem: orientações de higiene bucal, medição de pressão arterial, teste glicêmico e palestra de conscientização sobre DSTs, através da unidade de saúde responsável pela Zona.
O vereador falou sobre a importância da ação. “Não são todos os natalenses que podem ir até a Câmara para conversar conosco, por isso decidimos trazer alguns serviços até os bairros. Nos atendimentos jurídicos vamos conscientizar a população sobre os seus direitos e na Central de Reclamações vamos coletar as principais necessidades do bairro para tomar as devidas providencias em parceria com a Prefeitura”, afirmou.
O parlamentar já possui atuação direta nos bairros há muitos anos através do projeto, realizado desde o início do mandato. Os interessados em levar o projeto para a sua comunidade devem entrar em contato com o gabinete pelos telefones: 2010-3555 e 98741-3536.
Serviço: 
Data: 15/03 (sexta-feira)
Local: Rua Guimassu, 1153, Bom Pastor
Horário: 15h00
Contatos do Gabinete: 9 8741-3536 / 2010-3555
ÚLTIMA EDIÇÃO
INSTAGRAM
  • Categorias