A Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular – Regional Rio Grande do Norte (SBACV/RN) lança a campanha “Não são só vasinhos! Varizes exigem atenção!”, a partir da segunda-feira (17), para alertar a população da importância de identificar e tratar os vasinhos e as varizes com médicos angiologistas e/ou cirurgiões vasculares. O tema se dá devido grande parte da população ainda achar que a doença é uma questão estética.

“Ainda há um equívoco na sociedade de que vasinhos e varizes são uma questão estética, mas, não! Varizes são veias dilatadas, tortuosas e insuficientes, incapazes de exercerem sua função maior, que é o retorno de sangue ao coração. As varizes se localizam sob a pele, no tecido celular subcutâneo ou em regiões mais profundas, como músculos. Por isso, requer um cuidado maior! É uma doença vascular e que precisa ser tratada por um médico angiologista e/ou cirurgião vascular. Quanto mais cedo, melhor o resultado! E diminui as chances de complicações ou de surgir doenças mais graves,” explica a Dra. Glenda Rocha (CRM RN 3173 | RQEs 1302 e 3913), presidente da SBACV-RN.

Um dos procedimentos utilizado para tratar vasinhos e varizes conhecido, popularmente, como ‘aplicação’, chama-se Escleroterapia. Esse tratamento demanda estudo do sistema circulatório e diagnóstico individualizado para aplicar a técnica. Embora pareça simples, pode ser sinal de um problema muito maior se não identificado e tratado a tempo. Uma dessas doenças é a flebite  – inflamação dolorosa das veias e que ocasiona escurecimento da pele com o decorrer dos anos, além de eczema e hemorragias, podendo levar a úlceras varicosas.

Em muitos casos, o médico responsável por tratar vasinhos e varizes pode solicitar, também, antes da realização do procedimento, exames de imagem, como o Ecodoppler, para escolher o melhor tipo de aplicação e/ou tratamento. “Não busque qualquer profissional para tratar vasinhos e varizes. Escolha a sua saúde! Procure um angiologista e/ou cirurgião vascular de sua confiança”, aconselha Dra. Glenda.

A Campanha acontece através de divulgação pela imprensa, rádios, jornais, TVs e pelas mídias sociais da SBACV-RN (@sbacvrn). Siga e fique atento a sua saúde!