16.10.2017 | Geral Semarh apresenta experiências em Congresso Mundial de Dessalinização

O Governo do Estado, através da Secretaria do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh), está presente no Congresso Mundial de Dessalinização, reconhecido como o principal evento mundial na área. O encontro acontece desde ontem (15), em São Paulo (SP), e encerra sua programação na sexta-feira (20) com uma visita no sistema de dessalinização movido à energia solar, implantado pela (Semarh), através do Programa Água Doce (PAD), na comunidade Maria da Paz, em João Câmara.

Durante os quatro dias do evento, primeiro que acontece num país da América Latina, ocorrerão mesas redondas, workshops e uma sessão plenária interativa. No Painel sobre o PAD, dentro do auditório principal, o secretário adjunto da Semarh, Mairton França, vai apresentar as experiências do Estado com dessalinização de água e reutilização do rejeito para produção de peixes e ervas.

“Nossa política adotada para gerir os dessalinizadores, em parceria com as comunidades, é uma referência nacional, exemplo disso é a escolha do RN para implantação do primeiro sistema de dessalinização alimentado por energia solar, no âmbito do PAD”, frisa Mairton.

Para o Coordenador Estadual do PAD e Coordenador Técnico da Semarh, Ranielle Linhares, será muito importante esse contato com os maiores especialistas do mundo e também o acesso às mais avançadas tecnologias disponíveis na atualidade. “Essa experiência vai nos proporcionar mais capacidade técnica para ampliar nossas ações na área de dessalinização”, disse ele.

No encerramento do evento, também será entregue, de forma simbólica, os 68 sistemas implantados pela Semarh, através do PAD, em 38 municípios do RN. A solenidade acontecerá na comunidade Serra Verde, em João Câmara.

Com a finalização dessa primeira etapa do convênio, mais de 15 mil pessoas estão beneficiadas com água de qualidade para consumo.

16.10.2017 | Geral Pesquisadora da UFRN comprova danos causados ao pulmão pela fumaça das queimadas na Amazônia

Um estudo publicado na revista Nature, um dos periódicos mais importantes do mundo, pela pesquisadora do Centro de Biociências (CB) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Nilmara de Oliveira Alves, orientada pela professora do Departamento de Genética da UFRN Silvia Batistuzzo,  mostrou com detalhamento inédito os danos na saúde ocasionado pela fumaça das queimadas na floresta Amazônica, cujos efeitos podem se estender por toda América do Sul.

Este estudo, fruto de uma colaboração de pesquisadores da USP, UFRN, Fiocruz e UFRJ mostrou como a exposição à fumaça causam danos ao material genético e morte das células pulmonares. Pela primeira vez, foi possível demonstrar que as partículas de queimadas da Amazônia ao entrarem nos pulmões aumentam a inflamação, o estresse oxidativo e causam danos genéticos nas células de pulmão humano.

“O dano no DNA pode ser tão grave que a célula perde a capacidade de sobreviver e morre. Ou esta célula perde o controle celular e começa a se reproduzir desordenadamente, evoluindo para o câncer de pulmão”, diz a pesquisadora Nilmara de Oliveira Alves, autora principal do estudo.

Para descobrir estes mecanismos, células de pulmão humano foram expostas a partículas coletadas na Amazônia e analisadas com técnicas bioquímicas avançadas, onde se mediu o grau de inflamação e de dano no DNA. “Estas células podem induzir autofagia (processo que indica estresse celular) e também sofrer lesões no DNA que podem contribuir para formação de câncer”, acrescenta Alexandre Vessoni, pesquisador do ICB-USP e atualmente da Universidade de Washington em St. Louis, nos EUA.

Neste trabalho, foram descobertos os mecanismos de morte celular e identificado um dos compostos responsáveis por isso. Quimicamente o composto químico reteno, um marcador de queimadas, tem um forte efeito na morte celular de células do pulmão.

“A Amazônia sofre com o desmatamento e queimadas, consequências de um processo de ocupação desordenado”, afirma o pesquisador Paulo Artaxo, do Instituto de Física da USP, coautor do estudo.

Todo ano, em setembro e outubro, os focos de incêndios disparam, e uma nuvem de fumaça que cobre toda a região amazônica, ocasionando sérios problemas respiratórios na população, como relatado em estudos anteriores coordenados pela pesquisadora Sandra Hacon, da FIOCRUZ-RJ, também co-autora do estudo.

Ela analisou dados do SUS e concentração de poluentes e observou uma forte associação entre queimadas e efeitos na saúde, mas não se conhecia os mecanismos pelos quais o dano no pulmão ocorre. Os pesquisadores coletaram amostras do material emitido na atmosfera pelas queimadas na região próxima à Porto Velho, uma das áreas mais atingidas pelos incêndios na Amazônia. Nessa fumaça, existe o material particulado, que é formado por uma mistura de compostos químicos.

O médico patologista Paulo Saldiva, professor da Faculdade de Medicina da USP e diretor do Instituto de Estudo Avançados da USP, explica que quanto menor a partícula, ela consegue penetrar mais profundamente no sistema respiratório, atingir os alvéolos pulmonares e ter contato com a corrente sanguínea, sendo mais prejudicial para a saúde.

A exposição ao material particulado é considerada uma das principais causas de câncer de pulmão de acordo com a Agência Internacional de Pesquisas sobre o Câncer (IARC), vinculada à Organização Mundial de Saúde. A poluição causada pela queima de biomassa na Amazônia emite compostos químicos que são diferentes dos poluentes emitidos pelos veículos automotores e pelas indústrias nos centros urbanos.

“Outra novidade deste estudo é que um dos compostos emitido somente pela queima de biomassa (o reteno) é um dos grandes responsáveis pelos danos no DNA que observamos nas células pulmonares”, afirma a professora da UFRN, Silvia Batistuzzo.

“No Brasil, onde ao longo dos últimos 30 anos observamos altas concentrações de material particulado na atmosfera como decorrência de emissões de queimadas, não há nenhum programa de melhoria da qualidade do ar decorrente da queima de biomassa. Nós esperamos que com estudos como este, incentive o monitoramento destas partículas finas que causa claramente danos à saúde”, finaliza Carlos Menck, professor do ICB-USP e também orientador desta pesquisa.

Esta pesquisa foi financiada pelo CNPq (Nº 471033/2011-1), Rede CLIMA (Nº 550022/2014-7), FINEP (Nº 01.13.0353.00) e FAPESP, através dos projetos: Nº 2014/02297- 3, 2014/15982-6, 2013/05014-0 e 2013/25058-1.

O título do artigo na revista Nature é “Biomass burning in the Amazon region causes DNA damage and cell death in human lung cells”.

16.10.2017 | Geral Contribuinte que quitar débitos com fisco até 31 de outubro terá desconto no IPTU 2018

O contribuinte que quiser regularizar os débitos com o fisco municipal em condições especiais e ter direito ao desconto no Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) de 2018, precisa se apressar, o prazo termina no dia 31 de outubro. Embora depois desse prazo o contribuinte ainda possa quitar seus débitos, não terá mais o benefício do desconto no IPTU do próximo ano e as condições de pagamento serão diferentes, com descontos menores nos juros e multas de mora.

O secretário municipal de Tributação, Ludenilson Araújo Lopes explica que até o final do mês a quitação dos débitos pode ser feita com descontos nos juros e multas de mora de 70% para quem quitar à vista; 65% para quitação total em até duas parcelas; 60% para quitação total em até seis parcelas; 40% para quitação total em até 12 parcelas; 30% para quitação total em 18 parcelas; 20 para quitação total em até 24 parcelas e de 10% para quitação total em até 30 parcelas.

Ludenilson Lopes faz questão de ressaltar que os descontos oferecidos para quem está negociando os débitos atrasados são calculados em cima de juros e multas aplicados sobre o valor principal. O desconto no valor principal é oferecido anualmente no pagamento do IPTU no prazo do vencimento, beneficiando o contribuinte que paga em dia.

O secretário de Tributação afirma que não interessa a Prefeitura prejudicar o contribuinte e por isso tem realizado ações para incentivar os inadimplentes a quitarem seus débitos, como o programa de parcelamento que foi dividido em cinco fases, e os descontos nos juros e multas de mora vão diminuindo gradativamente.

Toda a programação de parcelamento foi divulgada no decreto do prefeito Carlos Eduardo, publicado no Diário Oficial do Município do dia 17 de agosto de 2017 e vai até o dia 28 de dezembro, quando o desconto nos juros e multas de mora no pagamento à vista cai para 50%.

A primeira fase do programa foi o Mutirão Fiscal, quando foram concedidos até 90% de descontos nos juros e multas de mora para quitação à vista, regularizou a situação fiscal de 10 a 12 mil contribuintes e resultou numa arrecadação direta entre R$ 11 e R$ 12 milhões. Na segunda fase, encerrada no dia 29 de setembro, foram oferecidos descontos de até 80% nos juros e multas de mora para pagamento à vista. Essas duas primeiras fases representaram uma negociação de cerca de R$ 50 milhões.

A terceira fase termina no dia 31 de outubro e o desconto para pagamento à vista é de 70%; a quarta fase será realizada de 1 a 30 de novembro e o desconto nos juros e multas de mora para pagamento a vista será de 60% e a quinta e última fase será realizada de 1 a 28 de dezembro e o desconto nos juros e multas para pagamento à vista será de 50%.

Em todas as fases do programa de negociação de dívidas, a primeira parcela ou a parcela única, expedida no momento da formalização do requerimento de parcelamento, vence no prazo de 10 (dez) dias, não podendo ultrapassar o último dia útil do mês, vencendo-se as demais no dia 20 (vinte) de cada um dos meses subsequentes.

Além do desconto no IPTU 2018, os contribuintes que quitarem seus débitos com o fisco evitam que os seus bens móveis e imóveis sejam leiloados, ou bloqueados pela Justiça, além da inscrição do seu nome no cadastro de inadimplentes e pagamento de custas cartoriais.

Dois leilões estão marcados pela Justiça para este ano, de acordo com o secretário de Tributação. Um de bens móveis, marcado para o dia 31 de outubro e outros de bens imóveis para o dia 1º de dezembro.

13.10.2017 | Geral MPF denuncia empresário por coação no curso do processo e crimes contra a honra

Crimes teriam sido praticados em redes sociais

O Ministério Público Federal no RN (MPF/RN) protocolou na quarta-feira (11) denúncia contra o empresário Flávio Gurgel Rocha pela prática dos crimes de coação no curso do processo, calúnia e injúria. Os crimes teriam sido praticados contra a procuradora regional do Trabalho Ileana Neiva Mousinho, no exercício da função.

Ileana Neiva e outros 9 procuradores do Trabalho ajuizaram, em 19 de maio, ação civil pública contra a empresa Guararapes Confecções S/A (Ação Civil Pública nº 000694-45.2017.5.21.0007), da qual Flávio Rocha é vice-presidente. Em 17 de setembro, no perfil que possui na rede social Facebook, que conta mais de 24 mil seguidores, o empresário postou uma carta dirigida à procuradora a quem acusou ser autora de sistemática perseguição veiculada por denúncias infundadas à Delegacia do Trabalho, animadas exclusivamente por sentimento de ódio e para favorecer seus concorrentes.

Utilizando outras redes sociais o empresário chamou Ilena Neiva de “louca”, “perseguidora” e “exterminadora de empregos”, chegou ainda a sugerir a retirada da procuradora. “A proposta é simples. Tirem a Dra. Ilena Mousinho de nossa vida e nós vamos transformar o RN”, propagou Flávio Rocha. Nas mensagens, sugeriu que as condutas da procuradora visam beneficiar os supostos concorrentes da Guararapes, já que tais exigências não estariam sendo feitas às demais empresas.

“Mais uma vez, Flávio Gurgel Rocha atribuiu à procuradora regional do Trabalho ser autora de comportamento típico de natureza penal, consistindo além de crimes de abuso de autoridade, previstos expressamente na Lei nº 4898/1965, no crime de prevaricação, previsto no art. 319 do Código Pena”, destaca a denúncia. O crime de prevaricação consiste em deixar de praticar, indevidamente, ato de ofício, ou praticá-lo contra a disposição expressa em lei, para satisfazer interesse ou sentimento pessoal.

O empresário lançou nas redes sociais as campanhas denominadas “mexeucompainhomexeucomnostudinho” e #exterminadoradeemprego. Flávio Rocha convocou uma manifestação em frente à sede do Ministério Público do Trabalho, que aconteceu em 21 de setembro. O expediente da Procuradoria teve que ser reduzido, por questões de segurança. O denunciado postou frases como “o nosso povo está animado…”, “entendeu o recado, doutora?”.

Para o MPF, a ação civil pública movida pelo grupo de procuradores do qual a procuradora Ileana Neiva Mousinho é integrante deve ter como arena própria de debate o processo judicial. Além disso, ressalta que não é contrário a qualquer forma de manifestação de liberdade de expressão, entretanto, o empresário teria transbordado os limites constitucionais, atingindo deliberadamente a honra de servidora pública no exercício da função.

“As ações promovidas pela procuradora regional do Trabalho são decorrentes do exercício de sua atividade institucional, em defesa dos direitos coletivos dos trabalhadores, sempre instrumentalizada por meios de provas, submetendo suas imputações ao diálogo e à possibilidade de ser firmado compromisso de ajustamento de conduta entre as partes (MPT e empregador) – dentro dos parâmetros legais – ou ao amplo contraditório, no âmbito da Justiça do Trabalho”, reforça a denúncia.

A ação tramita na Justiça Federal do RN sob o número 0809937-49.2017.4.05.8400.

13.10.2017 | Geral Prefeitura promove Mutirão Social para atender famílias do Leningrado

A Prefeitura do Natal realizou um mutirão social para atender às famílias vitimadas pelo incêndio ocorrido no dia 04 deste mês, no assentamento 8 de Março (loteamento Leningrado), na Zona Oeste. Coordenado pela Secretaria do Trabalho e da Assistência Social (Semtas), o mutirão foi realizado no Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) Maria Luiza Santos, no Conjunto Santa Clara, bairro Planalto. Foram prestados serviços como encaminhamentos para emissão de carteira de trabalho, carteira de identidade, cadastramento e recadastramento do programa Bolsa Família.

A ação mobilizou diversos setores da Semtas para o atendimento às famílias desalojadas. Além dos serviços realizados, a equipe da Secretaria coletou informações sobre as principais demandas das famílias, com o propósito de, posteriormente, fazer os devidos encaminhamentos. Participaram do Mutirão Social as equipes do Departamento de Proteção Social Especial (DPSE), Setores de Alta e Média Complexidade, do Departamento de Proteção Social Básica (DPSB), além da Unidade Móvel do Cadastro Único/Bolsa família.

13.10.2017 | Geral Três mil litros de cervejas especiais embalam programação do Oktoberfest Natal

Evento contará com atrações musicais e 10 cervejarias participantes; ingressos já estão à venda 

A sexta edição da Oktoberfest Natal, confirmada para este sábado (14), na área externa do Natal Shopping, contará com open bar de três mil litros de chopps especiais e apresentação musical das bandas Plutão Já Foi Planeta, United e grupo artístico com música típica alemã da Escola de Música da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (EMUFRN). 

Este ano, o festival é promovido em parceria com o Paddy’s, pub natalense reconhecido pela boa gastronomia e cervejas especiais. Os ingressos seguem à venda nas duas unidades do estabelecimento e no endereço eletrônico https://www.sympla.com.br/oktoberfest-natal-2017__194038, no valor de R$ 150. A festa inclui a open bar de bebidas alcoólicas e não alcóolicas, caneca personalizada e acesso às atrações musicais. 

Entre as cervejarias participantes, está a mais antiga do mundo, a Weihenstephanalém da Continental, Roleta Russa, CzechvarRaffe Cerveja Artesanal, Holanda, Union BeerSchornstein, Casa da Cerveja Potiguar e a mossoroense Bacurim.

Sobre o Oktoberfest 

O festival de cervejas que ocorre anualmente em Munique, na Alemanha, foi criado em 1810 pelo rei bávaro Ludwig I para celebrar seu casamento. O Oktoberfest alemão é frequentado anualmente por seis milhões de visitantes de todo o mundo e se inicia, desde 1872, sempre no sábado seguinte ao dia 15 de setembro. Com a grande fama e número de adeptos, o tradicional evento foi disseminado pelo mundo, ganhando novas caras e estilos. No Brasil, a festa começou a ser realizada em 1978 em Itapiranga (SC) e hoje é celebrado em diversas cidades brasileiras.

Serviço: 

Evento: Oktoberfest Natal 

Data: 14 de outubro de 2017 – sábado 

Início: 17h 

Local: Natal Shopping – estacionamento aberto 

Atrações: Plutão Já Foi Planeta, United e grupo artístico com música típica alemã 

Vendas: Paddy’s Emporium – Av. Romualdo Galvão, 2383, Arena Mall, loja 6, Lagoa Nova; Paddy’s Irish Pub – Av. Senador Salgado Filho, 1º piso do Natal Shopping, Candelária; Online: https://www.sympla.com.br/oktoberfest-natal-2017__194038 

Valor: R$ 150

13.10.2017 | Geral Meia Maratona do Sol entra na reta final de inscrições

Atletas têm até dia 22 de outubro para garantir vaga na competição

Garantia de segurança e conforto. Os seis mil inscritos esperados para a  Meia Maratona do Sol 2017 vão garantir acesso exclusivo a uma série de benefícios que só estarão disponíveis para os que estiverem com o número de peito afixado e o chip da prova. De acordo com o regulamento, só os que estiverem portando esses dois itens poderão acessar as áreas de largada e chegada, bem como cruzar o pórtico.

Faltando menos de 10 dias para o encerramento das inscrições, mais de 4 mil pessoas já garantiram vaga na corrida. Para garantir participação, os interessados têm até dia 22 de outubro para entrar no site www.meiadosol.com.br e fazer a inscrição no valor de R$ 110. A 4ª edição da prova será realizada no dia 11 de novembro de 2017, com largada – a partir das 16h – e chegada na Arena das Dunas, em Natal.

“Uma vez inscrito, o atleta fica assegurado de todos os benefícios que o evento oferece previamente estabelecido no regulamento e disponibilizado no site do evento. Dentre as benesses, está o seguro do atleta, indispensável para todos os participantes”, explica um dos organizadores da corrida, Nilvado Pereira, diretor da HC Sports.

O atleta não precisa estar devidamente uniformizado para participar da prova. “Vale lembrar que o uso da camisa oficial da Meia do Sol não é obrigatório, pois muitas vezes o corredor é patrocinado por alguma empresa ou assessoria esportiva. No entanto, sem a identificação recomendada de número de peito e chip, o atleta não terá acesso ao local de largada e demais benefícios da prova”, complementa Nivaldo Pereira.

Elaborada de acordo com as normas técnicas estabelecidas pela Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt), a Meia Maratona do Sol cumpre com as normas de segurança estabelecidas pelo Corpo de Bombeiros e Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA). A medida visa garantir a segurança dos desportistas. Com isso, os chamados corredores “pipoca” não poderão participar junto com os atletas devidamente inscritos, dada a grande quantidade de participantes que vão percorrer as distâncias de 21km, 10km e 5km oferecidas pela Meia do Sol.

Além de ser realizada pela HC Sports e Fábrica de Esportes, responsáveis por organizar os principais eventos esportivos do Rio Grande do Norte, a Meia Maratona do Sol conta com patrocínio máster da Caixa Econômica Federal.

Serviço

Meia Maratona do Sol

Data: 11 de novembro de 2017 – sábado

Hora: 16h

Largada: Arena das Dunas, Natal/RN

Inscrições até 22 de outubro:  www.meiadosol.com.br

Valor: R$ 110

13.10.2017 | Geral Canonização dos Mártires de Cunhaú e Uruaçu em Roma será neste domingo, 15

Atendendo a convite da Santa Sé, governador acompanha cerimônia no Vaticano, a partir das 10h15. Em Natal, pelo horário local, será às 5h15

Um momento histórico aguardado por milhares de devotos dos Mártires de Cunhaú e Uruaçu finalmente vai acontecer. No próximo domingo (15), a partir das 10h15, o Rio Grande do Norte se tornará o centro da atenção mundial da Igreja Católica no Vaticano por conta da canonização dos Padres André de Soveral e Ambrósio Francisco Ferro, do leigo Mateus Moreira e de mais 27 companheiros leigos. Em Natal, a previsão de início do evento de canonização é para as 5h15, pelo horário local.

Com a canonização dos Mártires, o estado potiguar poderá se tornar um grande centro de peregrinação religiosa, atraindo fiéis do Brasil e do mundo. Por isso, o Governo do RN está montando roteiros turísticos para o Santuário de Uruaçu, em São Gonçalo do Amarante e aos monumentos históricos de Cunhaú, em Canguaretama. Uma grande campanha de promoção e divulgação do RN como destino religioso deve ser lançada em breve.

“O Rio Grande do Norte tem como principal vocação econômica o turismo e, com a canonização, nosso estado vai começar a receber mais visitantes, em busca de conhecer a história dos primeiros mártires santos do Brasil. Por isso, estamos investindo em infraestrutura nesses locais, fazendo parcerias e buscando maneiras de atender a demanda de turistas. Sabemos da importância desse momento para a história, cultura e religião dos potiguares e vamos trabalhar para isso resultar em crescimento da economia e geração de emprego e renda”, informou o governador Robinson Faria.

O chefe do Executivo Estadual ainda explicou que “o Rio Grande do Norte tem uma união de fatores positivos que colaboram e facilitam com a vinda desses novos visitantes. O Santuário de Uruaçu fica próximo ao Aeroporto de São Gonçalo do Amarante e de Natal, que concentra as principais redes hoteleiras”.

Outro destino de turismo religioso do Rio Grande do Norte já consolidado e que vai complementar esses novos roteiros, é o santuário de Santa Rita de Cássia, com a maior estátua católica do mundo, em Santa Cruz.

Além desses roteiros, o Governo ainda vai promover apresentações culturais através da Fundação José Augusto para disseminar a história dos Mártires. Um deles é o espetáculo ao vivo que conta a saga dos heróis martirizados agora elevados à condição de santos, a “Cantata dos Santos Potiguares”. As apresentações da cantata acontecerão em São Gonçalo do Amarante nos dias 26 e 27 de outubro às 19h30; no dia 28 de outubro às 17h; e no dia 29 de outubro às 19h.

O Brasil é o maior país católico do mundo, com 123 milhões de fiéis que, segundo o último censo do IBGE, representam 64,6% da população.

Participação do Governo no evento de canonização

Atendendo a um pedido da Santa Sé, o governador Robinson Faria, a primeira-dama Julianne Faria e outros três secretários acompanham a cerimônia de canonização.

Por entender a importância econômica, social e religiosa, Robinson Faria instituiu um grupo de trabalho por meio do Decreto 27.235, de 17 de agosto de 2017, coordenado por Julianne Faria, cujo objetivo foi o de organizar os eventos em alusão à canonização dos Mártires de Cunhaú e Uruaçu, assim como para acompanhar a cerimônia eclesiástica.

Por meio da imprensa, tornou-se pública a participação de grupos de fiéis que organizaram caravanas e compraram pacotes em agências de viagens para participar da celebração. Prefeitos e Deputados do RN também acompanharão o evento. Todos esses participantes não têm custeio do Poder Executivo estadual. A Camerata de Vozes da Fundação José Augusto, que fará uma apresentação durante a cerimônia, está viajando em aeronave do Governo Federal, que atendeu a um pedido da Arquidiocese de Natal. A permanência do coral em Roma será custeada através de doações e investimento dos componentes.

“Somos o país que tem o maior número de católicos no mundo e vamos apoiar o maior evento da história da igreja católica na história do Brasil. Daí a importância da participação dos poderes municipais, estaduais e federal nesse evento. Do ponto de vista turístico, religioso e econômico, o Rio Grande do Norte só tem a ganhar”, disse o prefeito de São Gonçalo do Amarante, Paulo Emídio de Medeiros, que também foi à Roma.

História dos mártires

Em 16 de julho de 1645, o Padre André de Soveral e outros 70 fiéis foram cruelmente mortos por mais de 200 soldados holandeses e índios potiguares, durante uma missa dominical na Capela de Nossa Senhora das Candeias, no Engenho Cunhaú, no município de Canguaretama, região agreste do Rio Grande do Norte.

Quase três meses depois, no dia 3 de outubro, aconteceu outro martírio, na qual 80 pessoas foram mortas por holandeses, na comunidade Uruaçu, em São Gonçalo do Amarante. Os massacres foram motivados aos fiéis católicos por causa da intolerância do protestantismo calvinista dos invasores.

 Os Padres Ambrósio Francisco Ferro, Padre André de Soveral, o leigo Mateus Moreira e seus 27 companheiros foram beatificados na Praça de São Pedro, no Vaticano, no dia 5 de março de 2000, em celebração presidida pelo então Papa João Paulo II, hoje São João Paulo II.

Desde 2007, o dia 3 de outubro tornou-se feriado, no estado do Rio Grande do Norte. Em 2006, a Assembleia Legislativa do RN aprovou o decreto, instituindo o feriado.

11.10.2017 | Geral População do RN escolherá destino de R$ 1 mi em emendas federais

O deputado federal Beto Rosado (PP) lançará, nesta quarta-feira (11), às 18 horas, em transmissão ao vivo pelo Facebook, o projeto “Mandato Participativo”, no qual o povo do Rio Grande do Norte decidirá o destino de R$ 1 milhão em emendas parlamentares impositivas colocadas no Orçamento Geral da União (OGU) de 2018.
Por meio do site www.mandatoparticipativorn.com.br, os potiguares votarão entre dez ações para as quais as emendas poderão ser destinadas e os municípios que serão beneficiados. As três ações com os três municípios mais votados serão contempladas. Após a escolha, o internauta poderá indicar como sugestão o bairro para o qual deseja indicar a realização proposta.
“Essa é mais uma ferramenta de participação popular nas ações do nosso mandato. O povo vai decidir onde serão investidos esses recursos. Estamos lançando neste ano de 2017 e pretendemos continuar com essa sistemática. Assim, a população poderá participar de forma direta e ativa das nossas ações. Na transmissão ao vivo que farei, darei mais detalhes”, declarou o Beto Rosado.

11.10.2017 | Geral IV Seminário Potiguar da População em Situação de Rua discute a questão de moradia

Está agendado para ocorrer nos dias 16 e 17 deste mês, o IV Seminário Potiguar da População em Situação de Rua, uma promoção do Departamento de Psicologia da UFRN.

O evento será no IFRN – Campus da Cidade Alta, numa parceria com o CRDH/UFRN, OAB, CRP-17, CRESS e o IFRN.

Em 2016 houve o primeiro seminário específico sobre gênero, o I Seminário LGBT e de Mulheres da População de Rua, que debateu as políticas sociais destinadas a este grupo, considerado dos mais invisíveis e excluídos dentre vários segmentos populacionais. A ideia da edição deste ano é agregar os dois eventos, dando ênfase particular à questão do direito à moradia, pauta que unifica as lutas deste movimento social, e que reúne muitos pesquisadores em investigações que apontam no direito à cidade.

O objetivo é dar visibilidade as políticas sociais destinadas a população de rua do RN e avançar em debates e discussões do direito à moradia, ecoando em âmbito local, que ganha corpo nacional.

Além disso, um espaço formativo com os estudantes de graduação e pós-graduação da UFRN irá fomentar a construção de conhecimento.

Serviço:
– IV Seminário Potiguar da População em Situação de Rua.
– Dia 16/10
8:00h – Credenciamento
9h00 – Fala Pop Rua!
Marcela Gomes
Cleiber Sousa
Luanda Luz
Hallison Silva
Luiz Fernando Silva
Mediador: Vanilson Torres

09:30h – Mesa 1: Abertura

Pró-Reitoria de Extensão da UFRN
CNDDH – Marilia Oliveira
Associação Plural Potiguar
Comissão de Direitos Humanos da Câmara Municipal de Natal
Defensoria Pública – Dr. Manoel Sabino
Representantes das Secretarias Municipais de Saúde, Educação, Assistência Social e Habitação
MNPR/RN – Vanilson Torres
Coordenação do evento – Profa. Teresa Nobre

11:00h – Conferência de abertura
Profa. Dra. Edina Vergara (UFPR)

12h00 – Almoço
14h00 – Mesa 2: Moradia, um direito nosso

Fernanda Guimarães (Pastoral do Povo da Rua/CE)
Leonildo Monteiro (MNPR/PR)
Rosana Marques Lima (Fórum Pop Rua/CE)
Vanilson Torres (MNPR/RN)
Rep. da Sec. Municipal de Habitação
Ministério Público: Dra. Danielle Veras Mediadora: Profa. Raquel Diniz (DEPSI/UFRN)

– Dia 17/10
9h00 – Mesa 3: Mulheres e LGBT – Direitos e Conquistas

Fórum LGBT (a confirmar)
Jenair Alves (Projeto Redes)
Coletivo Amélias
Janaina Lima (Cons. Municipal de Atenção a Diversidade Sexual)
Mediadora: Luanda Luz (MNPR/RN)

12h00 – Almoço

14:00h – Roda de conversa: População em situação de rua e necessidades sociais: um olhar por dentro das redes SUS e SUAS
Coord: Ms. Karla Sarmento de Paiva (Doutoranda UFRN) – SINSENAT

14:00h – Oficinas Temáticas:
Artesanato, Jogo Poético, Percussão, Música, Stencil, Origami, Macramé.
Local – Centro de Convivência – Rocas

17h00 – Encerramento – Atividade Cultural

ÚLTIMA EDIÇÃO
INSTAGRAM
  • Categorias